AEB promove encontro para inserir serviços brasileiros na pauta de comércio global

0

Rio de Janeiro – No ranking de exportadores globais de serviços, o Brasil amarga a 37ª posição – a 13ª entre os países em desenvolvimento -, apesar de seu grande peso na economia interna. Com o intuito de contribuir com crescimento das exportações do setor e com a criação de uma política mais assertiva de inserção do país no comércio mundial de serviços, a Associação de Comércio Exterior do Brasil (AEB) realizará na próxima terça-feira, 12 de abril, o 13º Encontro Nacional de Comércio Exterior de Serviços (Enaserv).

“Os serviços ganham cada vez mais espaço na pauta de comércio global, agregando valor aos produtos, criando empregos mais qualificados e ampliando as oportunidades de negócios para todos. Infelizmente, a participação brasileira nesse fluxo crescente ainda é módica. A AEB preparou uma edição dinâmica e abrangente do Enaserv, onde grandes nomes irão partilhar conhecimentos e experiências para que, juntos, possamos ajudar o Brasil a entrar definitivamente nesse mercado”, afirma José Augusto de Castro, presidente executivo da AEB.

Com formato 100% virtual e gratuito, o evento terá como tema central Criando uma cultura exportadora de serviços. O Enaserv 2022 contará com 18 palestrantes, figuras renomadas do governo, iniciativa privada e entidades representativas do comércio internacional (vide programação em anexo). Ao todo serão 11 painéis com temas como Modernização da lei cambial: impactos para as exportações de serviços; Criptoativos e blockchain no comércio exterior de serviços; Serviços globais e sustentabilidade; Mediação e negociação fortalecendo o comércio exterior de serviços; A importância das micro e pequenas empresas (MPE) na exportação de serviços; Agenda de serviços e indústria na Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), entre outros.

O programa segue abaixo do release e pode ser acessado pelo site do Enaserv. Todos os inscritos receberão certificado ao final do evento.

(*)  Com informações da AEB

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta