Amantes de vinho: enoturismo é opção de viagem para visitar as principais vinícolas do Brasil

0

Brasília – Para os apreciadores de vinhos, o enoturismo é a melhor opção para conhecer novos rótulos. Os hotéis e vinícolas oferecem aos turistas e hóspedes visitas guiadas para conhecer as plantações e descobrir como é todo o processo de produção – desde a colheita das uvas da região até o engarrafamento. Além disso, ao final, os visitantes têm a oportunidade de degustar os principais vinhos do local.

No Brasil, o Rio Grande do Sul é o maior produtor de vinho no país. Cerca de 90% do vinho brasileiro é produzido no estado. Na região está localizado o Vale dos Vinhedos, na Serra Gaúcha. São mais de 80 km com cenários deslumbrantes, entre montanhas, vales, cânions, cascatas e lindíssimos vinhedos.

A Agência de Viagens Bancorbrás oferece para os clientes pacotes de viagem que incluem, no roteiro, visitas e diversas experiências nas principais vinícolas dentro e fora do Vale dos Vinhedos. Durante o passeio o viajante tem a oportunidade de vivenciar as tradições da região com roteiros que passam longe dos pontos turísticos famosos e aliam experiências históricas, culturais e gastronômicas com atividades específicas de cada região.

“No turismo de experiência, o mais importante não é voltar com uma mala cheia de compras, mas com uma bagagem repleta de novas vivências”, comenta Junior Lins, Diretor Executivo da Agência de Viagens Bancorbrás.

No Vale dos Vinhedos, vale visitar a Casa Valduga Complexo Enoturístico, pioneira no enoturismo do Brasil. A vinícola foi a primeira da região a abrir as portas para os visitantes conhecerem todo o processo de elaboração de seus produtos. No local, é possível encontrar um espaço completo com restaurantes, pousadas e uma loja para adquirir os principais vinhos e espumantes da casa.

Fora do Vale, também é possível encontrar grandes vinícolas como a Vinícola Salton, considerada o maior complexo vitivinicultor das Américas e a Vinícola Perini, onde os apreciadores de vinhos podem conhecer um pouco do processo, dos produtos e da estrutura Perini.

O Diretor ressalta que os turistas devem ficar atentos às informações acerca da pandemia de Covid-19 na região antes de reservar uma data para a viagem, além de seguir todas as recomendações e protocolos de biossegurança dos locais. “A nossa sugestão é que os viajantes comecem a se planejar com antecedência para garantir bons preços e que programem seus passeios para quando a situação estiver mais controlada. Além disso, é muito importante que os turistas procurem saber como está a abertura para esses eventos. E nós temos uma equipe especializada para dar qualquer tipo de informação e orientação”, afirma.

(*) Com informações da Bancorbrás

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta