Apex-Brasil, Itamaraty e Uvibra preparam ações de promoção dos vinhos brasileiros no exterior

0

Brasília – A Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil) e o Ministério das Relações Exteriores (MRE) acabam de formalizar um protocolo de intenções com a União Brasileira de Vitivinicultura (Uvibra). O documento foi assinado pelo Ministro Carlos França, pelo Presidente da Apex-Brasil, Augusto Pestana, e pelo presidente da Uvibra, Deunir Argenta, durante encontro do Ppresidente Jair Bolsonaro com empresários do setor em Bento Gonçalves, na última sexta-feira (9).

A parceria prevê ações de promoção internacional de vinhos, espumantes e suco de uva brasileiros, utilizando embaixadas e consulados como plataforma de divulgação por meio de ações de promoção e imagem organizadas em alguns mercados-alvo, tais como EUA, China, Alemanha e Reino Unido.

Dentre as ideias iniciais estão uma linha de ações de promoção no contexto da comemoração dos 200 anos de Independência do Brasil em 2022; a divulgação de premiações relevantes recebidas pelas empresas brasileiras e ações de atração de investimento estrangeiro, para o fortalecimento da cadeia produtiva e das empresas do setor.

“Um dos objetivos dessa aproximação com a UVIBRA é a estruturação de um novo projeto setorial de promoção de exportações dedicado ao setor”, explica o Gerente de Agronegócio da Apex-Brasil, Márcio Rodrigues. “Queremos posicionar o Brasil como referência em espumantes produzidos no hemisfério sul, e ampliar o brand awareness nos países prioritários para as exportações do setor vitinícola”, complementa.

O setor de vinhos no Brasil

Em 2020, o Brasil exportou US$ 8,2 milhões de vinhos e espumantes. De acordo com a Uvibra, o país é considerado o 6º maior produtor de vinhos no hemisfério sul, o maior produtor de vinho espumante da América Latina e o 18º maior produtor de vinhos finos do mundo. São mais de 1.100 vinícolas, com uma produção de 270 milhões de litros, sendo 98,53% da produção destinada ao mercado interno e 1,47% destinados à exportação.

O Rio Grande do Sul destaca-se como o maior produtor de uvas do Brasil, sendo responsável por aproximadamente 90% da produção e elaboração de produtos vitivinícolas no país. A principal região produtora é a Serra Gaúcha, onde a cultura da uva está presente há mais de cem anos, incorporando o know how e a mão de obra dos imigrantes italianos. Estima-se que no Brasil cerca de 200 mil pessoas estejam envolvidas nesta atividade, sendo que 15 mil famílias são produtoras.

(*) Com informações da Apex-Brasil

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta