Apex-Brasil leva empresas de alimentos e bebidas para Missão de Internacionalização nos EUA

0

Brasília – Um grupo formado por treze empresas brasileiras do setor de alimentos e bebidas vai participar, entre os dias 16 e 19 de maio, em Miami e Houston, nos Estados Unidos, da Missão de Internacionalização – Varejo: Alimentos e Bebidas, organizada pela Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil).

Esta missão é a terceira etapa do programa de internacionalização que foi lançado neste ano para as empresas brasileiras de alimentos e bebidas, com foco nos EUA. Na primeira etapa houve a sensibilização das empresas, em parceria com entidades setoriais. Na segunda etapa as empresas participaram da capacitação em marketing internacional, em parceria com ESPM.

O objetivo desta nova etapa é ajudar as empresas a avaliar, in loco, a possibilidade de expansão naquele país, por meio de reuniões com representantes do governo, potenciais fornecedores de serviço, e também com representantes dos escritórios da Apex-Brasil nos EUA.

“Desenvolvemos este modelo de ação quando fizemos a Missão de Integração Produtiva
Brasil-Paraguai, em setembro do ano passado. Aprimoramos a ideia e criamos uma agenda que permitirá aos participantes ter acesso a um grande número de informações muito relevantes para sua estratégia no país”, explica Juarez Leal, coordenador de Internacionalização.

Durante a missão, os participantes assistirão a palestras sobre pontos importantes no mercado americano em relação ao marketing local, contratação de funcionários, e à regulação de alimentos e bebidas, e também debaterão questões logísticas, tributárias, trabalhistas e jurídicas.  Além disso, os empresários terão reuniões com órgãos
norte-americanos e visitarão as principais redes varejistas da região para saber como funciona, na prática, o comércio local.

Na quarta fase do programa, logo após a missão, as empresas contarão com apoio da
Apex-Brasil para ajudá-las em seu processo de formulação da estratégia de internacionalização e implantação de operação nos EUA, por meio de atendimento customizado.

Fonte: Apex-Brasil

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta