Empresas de MG, ES e SP participam na Itália da maior feira de frutas e hortaliças do Mediterrâneo

0

Brasília – O Brasil participa com seis empresas produtoras de frutas e hortaliças da região do Jaíba, no norte de Minas Gerais, do Espírito Santo e de São Paulo da 31ª edição da MacFrut, considerada a maior feira do setor de frutas e hortaliças na região do Mediterrâneo e uma das maiores da Europa. A presença do País no evento, que acontece em Cesena, na Itália, foi organizado pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), com apoio do Ministério das Relações Exteriores (MRE). A estimativa é que mais de 25 mil pessoas visitem o local durante os três dias da feira, que começa hoje, 24.

Segundo o coordenador-geral de Ações no Mercado Externo, Luiz Cláudio Caruso, a União Europeia (EU) é o principal destino das exportações brasileiras de frutas. “A MacFrut é uma plataforma para novos negócios e serve para consolidar a imagem do Brasil como produtor de frutas e hortaliças saudáveis, saborosas e produzidas com respeito ao meio ambiente”, comentou.

Agenda técnica

Anterior à feira, nos dias 22 e 23, a delegação brasileira realizou uma agenda de visitas técnicas, promovidas pela Secretaria de Relações Internacionais do Agronegócio (SRI) e pela Secretaria de Desenvolvimento Agropecuário e Cooperativismo (SDC) do Mapa e MRE.

A programação foi voltada para as empresas que estão presentes na MacFrut e para uma delegação de pesquisadores, produtores, representantes de governo e outros multiplicadores, que visitaram instituições, propriedades rurais e empresas de referência na cadeia da horticultura. A região é referência em tecnologia e inovação no setor e tem 97% da produção local certificada como produção integrada (PI).

“As visitas técnicas têm o objetivo de colocar os profissionais brasileiros em contato com as boas práticas de produção integrada utilizadas na Itália. Houve troca de informações, pois também foi possível apresentar o programa PI Brasil para os produtores e pesquisadores europeus e mostrar os avanços da produção integrada no Brasil”, afirmou a coordenadora da Produção Integrada da Cadeia Agrícola, Rosilene Souto.

Saiba mais

A União Europeia possui um dos maiores consumos per capita de frutas e hortaliças no mundo. Nos últimos cinco anos, as exportações de frutas para o bloco cresceram 21%. Dentre as frutas e hortaliças que o Brasil exporta para a UE estão o melão, manga, uva, limão, maçã, melancia, castanha-de-caju, mamão, abacate, figo, caqui, banana, nozes, tangerina, goiaba, castanha-do-Brasil, entre outros.

No ano passado, o Brasil exportou US$ 620,5 milhões em frutas, castanhas e nozes para a UE. Dos produtos hortícolas, leguminosas, raízes e tubérculos foram exportados US$ 8,4 milhões em 2013.

Clique aqui para acessar o site oficial da feira

Clique aqui para acessar a página do evento

Fonte: Mapa

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta