ENASERV 2020 será virtual e deve ter 2 mil participantes para amplo debate sobre o comércio de serviços

0

Da Redação

Brasília – A Associação de Comércio Exterior do Brasil (AEB) promove no próximo dia 28 de julho, o ENASERV 2020, que terá como tema “Novos Horizontes no Comércio Exterior de Serviços” e que pela primeira vez desde que foi lançado será realizado virtualmente. A expectativa é de que o evento terá 2 mil participantes de todo o país.

Ao falar sobre a importância do comércio de serviços, o presidente da AEB, José Augusto de Castro, afirmou que “a exportação de serviços abre mercados para a exportação de bens, mas a exportação de bens não necessariamente abre mercados para a exportação de serviços. Esta é uma máxima do comércio internacional  e principalmente de serviços”.

Para reforçar a relevância dos serviços para a economia brasileira, o presidente da AEB ressaltou que “a exportação de serviços abre mercados para a exportação de bens, mas a exportação de bens não necessariamente abre mercados para a exportação de serviços. Esta é uma máxima do comércio internacional  e principalmente de serviços. O nível de desenvolvimento sustentável de um país pode ser medido pela sua balança comercial de serviços. Quanto maior o superávit, mais o país é sustentável economicamente. E quanto maior é o deficit, maior é a dependência na importação de tecnologia e serviços”.

José Augusto de Castro ressaltou ainda que “no mundo moderno, os serviços em geral  representam cerca de 70% do PIB de um país. A participação de serviços cresce de forma geométrica na produção de bens em geral, podendo, em muitos casos,  como por exemplo no setor de serviços eletroeletrônicos, os serviços representarem  uma participação maior que a participação dos bens físicos. Ou seja, os serviços têm um peso físico menor que os bens  mas em termos de valor, os serviços têm um valor muito maior”.

A pouco mais de uma semana da realização do evento, o presidente José Augusto de Castro considera bastante positivas as perspectivas para o ENASERV 2020. Segundo ele, “isto pode ser medido  pelo número de inscrições que até este momento  ultrapassam 1 mil pessoas, podendo chegar a 2 mil inscritos. O tema   exportação de serviços é importante para o mundo atual e este é um fator que justifica a grande procura pela participação no ENASERV”.

Pela primeira vez  o ENASERV será um evento virtual, ao contrário das outras onze edições anteriores, nas quais o ENASERV foi um evento presencial. Na avaliação do presidente da AEB, “essa iniciativa está fazendo com que os participantes do Brasil inteiro  se inscrevam para estar presentes no ENASERV, ainda que de forma virtual. Se fosse presencial, com certeza  isto não seria possível porque hoje de forma virtual você tem uma reduçao de custos e tem a possibilidade de, de outros estados, você estar participando de tudo sem estar presente no momento.  Essa é a grande novidade o ENASERV 2020, que pela primeira vez vai ser totalmente virtual”.

ENASERV 2020  – Programação

Tema: “Novos Horizontes no Comércio Exterior de Serviços”

Dia 28 de Julho de 2020

Inscrições: enaserv.com.br

Transmissão: YouTube

Programação (Manhã)

09h-10h: Solenidade de Abertura

José Augusto de Castro (Presidente Executivo da Associação de Comércio Exterior do Brasil – AEB)

José Roberto Tadros – Presidente da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo – CNC

Rubens Medrano –Vice-Presidente da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo de São Paulo – FecomércioSP e Presidente Assoquim/Sincoquim

Roberto Fendt Junior – Secretário Especial de Comércio Exterior e Assuntos Internacionais do Ministério da Economia, que proferirá palestra sobre “A importância dos servços na expansão do comércio exterior brasileiro e na adesão à OCDE” (a confirmar)

10h-10h30: Painel 1: A imortância dos serviços para a indústria. Propostas para um novo regime

Constanza Negri Biasuti – Gerente de Política Comercial da Confederação Nacional da Indústria – CNI

10h30-11h: Painel 2: Por que os serviços serão determinantes na prosperidade do século XXI?

Jorge Arbache – Vice-presidente do Setor Privado do Banco de Desenvolvimento da América Latina – CAF (Lima-Peru)

11h- 11h30 – Painel 3: Exportação de serviços como estratégia de crescimento econômico sustentável

Javier Pena Capobiano – Secretário Geral da Associação Latinoamericana de Exportadores de Serviços – ALES (Montevidéu – Uruguai)

11h30 – 12h – Painel 4: OCDE e as negociações de serviços

Vera Thortensen – Coordenadora do Centro  de Comércio Global da Fundação Getúlio Vargas – FGV-São Paulo

Programação (tarde)

14h-14h30: Painel 5: Exportação de serviços, desafios e oportunidades

Leandro Vieira – CEO da WTM International

14h30-15h: Painel 6: Estratégia para acelerar o crescimento internacional com segurança

Lisandro Vieira – CEO da WTM International

15h-15h30 – Painel 7: Fatores de redução do Custo-Brasil no comércio exterior de serviços

Renato Agostinho da Silva – Subsecretário de Operações de Comércio Exterior da Secretaria de Comércio Exterior do Ministério da Economia – SECEX-ME

15h30-16h: Pronunciamento especial: A experiência da Apex-Brasil com a promoção de serviços: situação atual e perspectivas

Sérgio Ricardo Segovia Barbosa – Presidente da Agência Brasileira de  Promoção de Exportações e Investimentos –Apex-Brasil

16h-16h30 – Painel 8: Startups como fator gerador de novos negócios em serviços no comércio exterior

Wellington  Galassi – CEO da Mango Ventures Brazil

16h30-16h35 – Encerramento

Rubens Medrano – Vice-presidente da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo de São Paulo – FecomercioSP e Presidente da Associquim/Sincoquim

José Augusto de Castro – Presidente Executivo da Associação de Comércio Exterior do Brasil – AEB

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta