Estados Unidos e China concluem Fase 1“bastante ampla” de acordo comercial



Última atualização: 13 de Dezembro de 2019 - 20:07
0
332

Washington – A China e os Estados Unidos (EUA) encerraram hoje (13) a Fase 1 do Acordo de Comércio. A notícia foi dada pelo Presidente dos Estados Unidos na rede Twitter. Donald Trump anunciou que “foi alcançado um acordo para uma Fase 1 bastante ampla com a China”.

Essencialmente, em troca da suspensão ou de cortes de tarifas em alguns produtos chineses, Pequim aceitou fazer reformas estruturais e comprar mais produtos americanos. Ao confirmar o acordo, que abre caminho à Fase 2 das negociações, a China sublinhou que espera que ambas as partes venham a respeitar o texto, depois de este ser assinado.

Os Estados Unidos prometeram suspender US$ 160 bilhões   em tarifas retaliatórias sobre produtos chineses que deveriam ser aplicadas a partir do próximo domingo.

Também irão pôr fim a outras taxas já em vigor e eliminar progressivamente as acusações que pendem sobre a China, na disputa comercial.

Em troca, Pequim compromete-se a adquirir US$ 50 bilhões  em produtos agrícolas americanos em 2020, o dobro do que comprou em 2017, ano em que o conflito comercial teve início.

Irá ainda aumentar o acesso das empresas norte-americanas ao mercado chinês e reforçar a proteção imediata de direitos de propriedade intelectual.

Trump comemora

Apesar de as confirmações oficiais não terem surgido de imediato, nem por parte da administração americana, nem por parte de Pequim, o presidente norte-americano antecipou tudo e todos e celebrou o acordo na rede Twitter.

“Chegamos a um acordo para uma Fase 1 bastante ampla com a China”, escreveu Donald Trump.

(*) Com informações da RTP – Emissora pública de televisão de Portugal

Comentários

Comentários

Deixar uma resposta