EUA se consolidam como o maior mercado para produtos manufaturados exportados pelo Brasil

0

Da Redação

Brasília –  Em 2016, nenhum país ou mesmo bloco econômico importou tanto produto industrializado do Brasil quanto os Estados Unidos. Foram US$ 14,29 bilhões, uma alta de 2,9% comparativamente com 2015. A importação de produtos de maior valor agregado teve uma participação de 61,3% de um total de US$ 23,156 bilhões  exportados pelas empresas brasileiras para o mercado americano. Os dados são do Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (MDIC).

Outro dado relevante: os Estados Unidos foram também o maior importador dos aviões fabricados pela Embraer, com aquisições no total de US$ 2,9 bilhões, cifra superior em 5,3% ao volume exportado em 2015. Os embarques de aeronaves corresponderam  a 13% de tudo o que foi negociado pelo Brasil com os Estados Unidos no ano passado.

A importância dos Estados Unidos para as exportações da indústria brasileira pode ser medida pelo fato de que a União Europeia e seus vinte e oito estados-membros importaram US$ 12,62 bilhões em produtos manufaturados brasileiros, ou seja US$ 1,67 bilhão a menos que o volume importado pelos americanos.

Por outro lado, os números relativos ao comércio de aeronaves com os Estados Unidos envolvem uma peculiaridade: ao mesmo tempo em que exporta aviões para o mercado americano, o Brasil aumenta a importação junto aos Estados Unidos de partes de motores e turbinas para aviões, que acabam equipando as aeronaves da Embraer que posteriormente são embarcadas para o mercado americano. Ano passado, essas importações totalizaram US$ 1,91 bilhão (9,0% a mais que em 2015) e responderam por 8,0% dos bens adquiridos junto a empresas dos Estados Unidos.

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta