Executivos da BRF se reúnem com presidente Macri e reafirmam investimentos na Argentina

0

São Paulo – Executivos da BRF se reuniram nesta segunda-feira (30) com o presidente da Argentina, Maurício Macri, para discutir os planos de expansão da empresa no país vizinho, que contempla investimentos na ordem de US$ 292 milhões para 2016. Parte do valor já foi aplicado nas aquisições das empresas Campo Austral e Calchaqui, e na ampliação e modernização de linhas de produção de outras unidades.

“Estamos confiantes no potencial da Argentina, especialmente em suas pessoas”, disse Abilio Diniz, presidente do conselho de administração da BRF. “Estamos convencidos de que o caminho para os próximos anos é o de otimizar o livre comércio de bens e serviços entre os membros do Mercosul e com outros parceiros comerciais, fazendo do Brasil e da Argentina uma plataforma de exportação para o mundo.”, destaca Pedro Faria, CEO Global da BRF.

“Esses projetos priorizam a produção de itens de maior valor agregado, reafirmando nosso compromisso com o crescimento econômico na Argentina. Queremos que os consumidores se aproximem cada vez mais nossos produtos, de modo que estamos criando uma cadeia de valor completa, desde o campo até à mesa”, explica Jorge Lima, CEO da BRF para a América Latina. “Estamos finalmente executando o que havíamos planejado para a Argentina”, conclui José Carlos Reis de Magalhães Neto, membro do conselho de administração da BRF.

BRF na Argentina

A BRF comercializa marcas icônicas na Argentina, entre elas, Paty, Campo Austral, Sadia, Danica, Vienissima, Bom Mark, Bocatti, Manty e Delicia. A empresa opera 9 unidades de produção em 4 províncias. No primeiro trimestre de 2016, a receita operacional líquida da divisão “Latam” totalizou R$ 438 milhões, 11,2% maior que o registrado em igual período do ano passado.

Sobre BRF

A BRF, detentora das marcas Sadia, Perdigão e Qualy, é uma das maiores empresas de alimentos do mundo. A empresa possui mais de 105 mil funcionários, 35 unidades industriais no Brasil, 16 fábricas no exterior (nove na Argentina, uma no Reino Unido, uma na Holanda, quatro na Tailândia e uma nos Emirados Árabes Unidos) e 40 centros de distribuição. Atualmente, a companhia exporta para mais de 120 países.

Fonte: BRF

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta