Juma Ópera é ponto de partida perfeito para explorar atrações de Manaus e da floresta amazônica

0

São Paulo – Além de ser uma das portas de entrada para quem quer conhecer a selva amazônica, a cidade de Manaus (AM) tem muito a oferecer. Suas atrações variam desde opções gastronômicas típicas, que exploram os sabores da culinária indígena, até cenários naturais e construções históricas.

A dica para quem vai à capital é escolher um hotel confortável e bem localizado, que ofereça fácil acesso aos principais cartões-postais do destino. É o caso do Juma Ópera, que tem 41 acomodações espaçosas e muito charme, além de uma vista privilegiada do Teatro Amazonas.

espaço cultural, que se tornou uma das construções mais emblemáticas da Manaus, foi inaugurado em 1896, com o objetivo de oferecer apresentações de peças e óperas europeias aos barões da borracha. Sua fachada neoclássica jamais passa despercebida pelos visitantesO grande destaque fica por conta da cúpula, feita com cerâmica esmaltada nas cores da bandeira brasileira.

Divulgação

Os fãs de passeios ao ar livre podem programar visitas ao Museu da Amazônia (MUSA), na Reserva Florestal Adolpho Ducke. Com atrações a céu aberto, o local reúne exposições sobre a cultura indígena e conta com torres de observação para contemplar as paisagens naturais.

A rica biodiversidade do destino também pode ser observada no Bosque da Ciência (onde é possível encontrar espécies como o peixe-boi) e no Zoo do CIGS (Centro de Instrução de Guerra na Selva), que reabilita animais da mata doentes ou machucados para depois devolvê-los a seu habitat natural.

Sempre movimentado, o Porto de Manaus é outro ponto turístico que vale a visita. Ali, é possível contemplar um panorama da capital do Amazonas e observar o vai-e-vem no cais (o local é o maior porto flutuante do mundo). Depois, a dica é estender o passeio ao Mercado Municipal Adolpho Lisboa, onde é possível provar sabores típicos da região e comprar artesanatos.

Quem busca por vistas inesquecíveis também precisa ver de perto o Encontro das Águas. Trata-se de um dos fenômenos naturais mais bonitos do Brasil, no qual a confluência entre a água barrenta do rio Solimões e a água escura do Rio Negro formam um lindo cenário. Elas correm juntas por mais de 6 quilômetros, mas não se misturam. Tudo isso pode ser visto em passeios de barcos ou, o que é ainda mais incrível, hidroaviões.

Depois de explorar os melhores atrativos que Manaus tem a oferecer, o ideal é tirar uns dias para curtir a selva, mais uma vez, bem hospedado. Além de abrigar toda a infraestrutura necessária para quem quer aproveitar a floresta com muito conforto, o Juma Amazon Lodge promove passeios pela região. Eles variam desde rotas para observar jacarés até pescarias e caminhadas tranquilas pela natureza.

Mais informações em www.jumaopera.com.br e https://jumalodge.com.br.

(*) Com informações do Juma Ópera

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta