Ministério da Economia orienta prefeitos interessados na obtenção de crédito internacional



Última atualização: 8 de Agosto de 2019 - 15:06
0
371

Brasília Prefeitos e outros representantes de municípios e estados interessados em crédito internacional vão receber orientações do Ministério da Economia (ME) durante o 1º Foro de Prefeitos do Fundo Financeiro para Desenvolvimento da Bacia do Prata (Fonplata), que começou nesta quinta-feira (8/8), na Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (Firjan).

O evento antecede à 18ª Reunião Anual da Assembleia de Governadores do Fonplata, que acontece nesta sexta-feira (9) e que será presidida pelo governador brasileiro na reunião, o secretário especial de Comércio Exterior e Assuntos Internacionais, Marcos Troyjo.

O ME vai participar do painel “Procedimentos para obtenção de recursos externos”, abordando os requerimentos e o processo para que os municípios obtenham financiamentos de organismos multilaterais de crédito.

 “O objetivo é tirar dúvidas dos participantes sobre os procedimentos de acesso a crédito externo e a submissão de projetos à Comissão de Financiamento Externo (Cofiex)”, explica o coordenador-geral de Instituições Regionais de Desenvolvimento da Secretaria de Assuntos Econômicos Internacionais do ME, Eduardo Rolim Vieira.

Alternativas e novas linhas

Com participação de mais de 80 prefeitos, secretários municipais e estaduais, o 1º Foro de Prefeitos vai discutir novas alternativas de desenvolvimento e divulgar as experiências de estados e municípios que já tiveram êxito em projetos financiados com recursos do fundo. Também está prevista a assinatura de um Memorando de Intenções entre o Fonplata e o Banco de Desenvolvimento de Minas Gerais (BDMG) para futuras operações conjuntas.

O secretário de Assuntos Econômicos Internacionais do ME, Erivaldo Gomes, e os subsecretários Marcos Guimarães e Carlos Lampert representarão o ministério. Entre os participantes estarão o prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivela, e o secretário do Meio Ambiente do Distrito Federal, Sarney Filho.

Já na Reunião Anual da Assembleia de Governadores, na manhã de sexta, serão abordados temas como a criação de novos instrumentos de financiamento e a expansão do número de países sócios do Fonplata, que hoje é formado por Brasil, Argentina, Bolívia, Paraguai e Uruguai.

Saiba mais sobre o Fonplata

  • O Fundo Financeiro para Desenvolvimento da Bacia do Prata (Fonplata) é um fundo de investimento que funciona como um banco de desenvolvimento regional, formado pelos países do Mercosul e Bolívia.
  • Esse organismo multilateral foi criado em 1977, para apoiar projetos de desenvolvimento, por meio de operações de crédito e recursos não reembolsáveis do setor público dos países integrantes.
  • O Fonplata tem uma carteira de US$ 484 milhões em financiamento de projetos públicos no Brasil, dos quais 91% estão concentrados em projetos municipais de infraestrutura.

(*) Com informações do Ministério da Economia 

Comentários

Comentários

Deixar uma resposta