Países do Mercosul apoiam os esforços do Brasil para atrair turistas durante as Olimpíadas

0

Brasília – As delegações do Uruguai, Argentina, Venezuela, Paraguai, Chile e Bolívia acordaram um texto de apoio ao Brasil para estimular o turismo no período da Olimpíada e Paralimpíada Rio 2016. Esse documento foi firmado durante a 61ª Reunião Especializada em Turismo do Mercosul e a 17ª Reunião de Turismo do Mercosul, que ocorreu nesta quinta-feira (7), em Montevidéu, no Uruguai.

A delegação brasileira, formada por representantes do Ministério do Turismo e da Embratur (Instituto Brasileiro de Turismo), apresentou informações sobre os Jogos, como a isenção de visto a nações estratégicas, sugerindo ainda que outros países membros sigam esse exemplo, para que haja maior movimentação entre os países do Mercosul.

“Os Jogos Olímpicos são uma vitrine privilegiada para a divulgação dos destinos turísticos do Mercosul”, disse o representante do Ministério do Turismo, Acir Pimenta. Ele informou ainda aos presentes que o evento terá a participação de 206 países, com a presença de 25 mil jornalistas e cerca de 500 mil turistas internacionais, além da expectativa de 5 bilhões de telespectadores em todo mundo.

De acordo com o presidente da Embratur, Gilson Lira, essa é uma excelente oportunidade de promoção internacional do turismo brasileiro e regional, antes, durante e após os Jogos. “O ganho com os megaeventos é incalculável. E isso ocorre, justamente, porque os grandes eventos ajudam a aumentar e a reforçar a visibilidade de qualquer País”, destaca.

Em seu pronunciamento, a ministra de Turismo do País anfitrião, Liliam Kechichian, expressou o apoio do Uruguai ao Brasil para a realização dos Jogos Olímpicos e destacou a importância e a visibilidade que este grande evento trará para a América do Sul.

Corroborando o apoio ao País da Olimpíada e Paralimpíada Rio 2016, o ministro da Argentina, Gustavo Santos, reforçou: “Nós apoiamos os Jogos Olímpicos, pois este será um importante evento para o Continente. Sendo ainda importantes para as relações bilaterais entro os dois países”, enfatizou.

Os argentinos são os turistas que mais visitam o Brasil. Em 2014, conforme dados do Ministério do Turismo, mais de 1,7 milhão estiveram no País. Já o mercado turístico uruguaio segue em expansão ao longo dos últimos anos apresentando crescimento no turismo emissivo. Os uruguaios ocupam a 6ª posição no ranking de visitantes da América do Sul, com mais de 223 mil turistas.

Entre os outros assuntos debatidos na reunião estavam a promoção integrada em mercados longínquos, com destaque para a China e para o Japão, a importância da inclusão de cruzeiros fluviais como mecanismo de consolidação dos circuitos turísticos e a incorporação do Fundo de Promoção Turística do Mercosul. A próxima reunião do Mercosul será na Venezuela, com data a ser marcada.

Informações de mercado

O fluxo turístico dos países do Mercosul é crescente a cada ano. O Brasil é o País que mais recebe estrangeiros entre os parceiros do bloco. Em 2014, foram 6,4 milhões de visitantes. No mesmo período, a Argentina recebeu 5,57 milhões; o Chile, 3,57 milhões; o Uruguai, 2,81 milhões; a Venezuela, 1,08 milhão e o Paraguai, 610 mil.

Fonte: Embratur

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta