Programa Gol Verde da Fifa estabelece exigências ambientais para Copa 2014

0
133

Última atualização:

Programa Gol Verde da Fifa estabelece exigências ambientais para Copa 2014Rio de Janeiro – Todos os equipamentos e obras que serão necessárias para receber a Copa do Mundo terão que se adequar ao Programa Gol Verde, da Federação Internacional de Futebol (Fifa), que estabelece diversas exigências ambientais – do uso de materiais recicláveis à economia de água e energia. Este foi o tema do painel ‘O meio Ambiente’, do seminário ‘Infraestrutura Brasil: projetos de infraestrutura e Oportunidades’, com 250 especialistas de sete países, reunidos no Sheraton Rio Hotel & Resort, no Rio de Janeiro, até amanhã (24).

Para o coordenador da Câmara de Meio Ambiente da Copa de 2014, do Ministério do Esporte, Cláudio Langone, este evento é uma oportunidade valiosa para que o conceito de desenvolvimento com responsabilidade ambiental seja incorporado por estados e municípios direta ou indiretamente envolvidos com o torneio.

A articulação com diferentes órgãos em todas as esferas públicas e fontes financiadoras como o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) é vista pelo coordenador como uma estratégia para viabilizar as obras e os projetos com equilíbrio financeiro, ambiental e legal.

“Nosso trabalho agora é criar uma agenda estratégica e formular diretrizes. Como a maior parte dos licenciamentos ambientais é responsabilidade dos estados envolvidos, temos de criar estruturas específicas para que haja negociação com os órgãos de controle. Precisamos de segurança jurídica e previsibilidade. Melhor um licenciamento rigoroso que um permissivo que vá parar na justiça”, reforçou.

O apelo de uma Copa com preocupações ambientais também pode dar visibilidade à produção brasileira como os biocombustíveis e os orgânicos e ainda criar condições de visita para parques que representam a nossa biodiversidade, tão valorizada pelos outros países. O coordenador também alertou para a necessidade de conjugar sustentabilidade social com inclusão social, relacionando, por exemplo, as obras do estádio com a população do entorno.

Fonte: Agência Sebrae de Notícias

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta