Venezuela denuncia nova violação do espaço aéreo do país durante 80 minutos por avião dos EUA

0
481

Última atualização:

Caracas – As autoridades venezuelanas acusaram hoje (9) um avião americano de ter violado o espaço aéreo nacional durante 80 minutos na tarde da última terça-feira (8).

“Foi novamente detectada – pelos sensores do Comando de Defesa Aeroespacial Integral (Codai) – uma aeronave dos Estados Unidos, tipo RC135, de inteligência (serviço secreto) estratégica”, informou  comunicado distribuído em Caracas.

No documento, divulgado através de uma rede social, o governo venezuelano explicou que a aeronave “pôs a segurança das operações aéreas ao norte da Venezuela em risco, ao entrar na Zona de Informação de Voo (FIR) de Maiquetía, sem cumprir os protocolos internacionais”.

Segundo as autoridades venezuelanas, 35 minutos mais tarde a aeronave deixou de ser visível no radar, depois de ter entrado na FIR de Curaçao.

“Apenas durante este período de 30 dias podemos detectar mais de 54 aeronaves americanas, fazendo exploração no FIR de Maiquetía (espaço de controlo aéreo de Maiquetía) e em outras áreas”, disse o comandante-chefe do Comando Estratégico Operacional das Forças, Remígio Ceballos.

(*) Com informações da RTP – Emissora pública de televisão de Portugal

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta